terça-feira, 15 de agosto de 2017

Os Bombeiros V. Lisbonenses presentes no incêndio de Vila de Rei

Cerca de 40% do território de Vila de Rei, no distrito de Castelo Branco, foi consumido pelas chamas em apenas seis horas, disse à Lusa o presidente da autarquia sobre o incêndio que deflagrou domingo à noite.
Em apenas seis horas, entre 35 a 40% do nosso território foi consumido pelas chamas", contabilizou Ricardo Aires.
O incêndio surgiu na sequência de uma projeção de fogo proveniente do concelho vizinho de Ferreira do Zêzere, no distrito de Santarém, que ao início da tarde mantinha uma frente activa, mas "em vias" de resolução.
Fonte TVI

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Bombeiros do Concelho de Sintra nas frentes dos incêndios que assolam o País

A presença de Corporações de Bombeiros Voluntários do Concelho de Sintra nos grandes incêndios de Abrantes e  Cantanhede.

B.V.Almoçageme

B.V.Algueirão Mem-Martins

B.V. Agualva-Cacém ao lado da viatura dos B.V. de Odivelas
*Fotos/SIC

«Foi o maior fogo deste Verão», dizia, ontem à noite ao Diário de Coimbra Emílio Torrão, autarca de Montemor, depois de, cerca das 20h30, o incêndio ter sido dominado. Já mais tranquilo, depois de uma tarde vivida a “ferro e fogo”, o autarca refere a perigosa propagação das chamas, que rondaram um conjunto de habitações e empresas, no perímetro compreendido entre Póvoa de Santa Cristina, Meãs e Tentúgal. Uma situação que «exigiu um combate certeiro e milimétrico», diz, elogiando o trabalho efectuado pelos bombeiros, protecção civil e meios aéreos, que evitou que o pior acontecesse. »

http://www.diariocoimbra.pt/noticia/22686

domingo, 2 de julho de 2017

O Delahaye dos Bombeiros Voluntários de Cascais

1927
Bombeiros Voluntarios CASCAES


"Posteriomente à aquisição do Delahaye dos Bombeiros Voluntários Lisbonenses, em 26 de Maio de 1927 os Bombeiros Voluntários de Cascais, inauguraram uma nova viatura pronto-socorro, Delahaye de 25 cavalos, com tanque para 500 litros de água e moto-bomba da mesma marca. Recebeu o nome de CASCAES, em homenagem e como agradecimento aos habitantes daquela Vila, q...Ver Mais"
 — com João Paulo Peixinho e Francisco Fontes.

Retirado daqui:
https://www.facebook.com/RealVilladeCascaes/photos/a.499720226736501.105318.387789074596284/485944074780783/?type=3&theater

quarta-feira, 21 de junho de 2017

No incêndio de Pedrógão Grande

Foto de Paulo Simão/21de Junho de 2017

domingo, 18 de junho de 2017

Bombeiros Lisbonenses a caminho de Pedrógão Grande



INFORMAÇÃO:
Os Bombeiros Lisbonenses encontram-se inseridos no GRIF2LX com um VCOT e um VTTU, com um total de 4 elementos, com destino a Pedrógão Grande.
A todos os bombeiros empenhados no combate ao incêndio, e em particular aos nossos operacionais, desejamos um bom trabalho.

*
Os Bombeiros Lisbonenses encontrar-se-ão a partir de amanhã no quartel de Alcoentre em pré posicionamento com um VFCI guarnecido por 5 elementos.


segunda-feira, 29 de maio de 2017

Dia do Bombeiro Português em Cascais

Comemorações do Dia do Bombeiro Português em Cascais, evento nacional organizado pela Liga dos Bombeiros Portugueses em parceria com a Federação de Bombeiros do Distrito de Lisboa e do Secretariado das Associações de Bombeiros do Concelho de Cascais com o apoio da Câmara Municipal de Cascais,  aconteceu no domingo, dia 28 de Maio.
Discurso do Sr.Presidente da República
Reconhecimento
Desfile dos estandartes


Desfile de viaturas
Fotos em 28/05/2017/Cascais

A representação  dos Bombeiros Lisbonenses no Dia do Bombeiro Português em Cascais
Foto de  Paulo Simão/FB

Representantes do CB Lisbonenses no Dia  do Bombeiro Português.
Comandante Jorge Fernandes, S/C Luis Casquinha, Bombeiro de 1ªPaulo SImão, Bombeiro de 3ª Pocoyo Relas Silva,, Renato Silva.e estagiários Daniel Fernandes, Luís, e André Varela., Presidente da Direçção, Garcia Correia e o Comandante, Tenente Coronel França de Sousa.

sábado, 27 de maio de 2017

Incêndio urbano em Colares

Fotos de hoje em Colares
Cerca da 13h00 a sirene dos Bombeiros de Colares, avisava que teria havido algo de anormal neste sábado. Um pequeno incêndio urbano, que terá sido motivado por um problema num exaustor, rapidamente resolvido.